saude-financeira.jpg

Melhore sua saúde financeira com estas 5 dicas

Categoria: 

Hoje, trago 5 conselhos para que você consiga economizar dinheiro, ter um controle maior sobre o seu caixa e ainda estabelecer metas financeiras para o futuro.

Veja abaixo quais são eles:

1 – Registro de Venda

Possuir um registro de vendas permite que você controle todos os produtos e serviços que são comercializados no seu empreendimento, as contas que você tem a receber e também as contas a pagar.

Através desse controle de caixa combinado com as contas futuras (parcelas negociadas com fornecedores e/ou clientes), você obtém o fluxo de caixa, ferramenta que lhe dirá como anda a saúde da sua empresa.

Obs: faça diferentes registros para diferentes meios de pagamento, já que as taxas, impostos e juros são diferentes para cada um.

2 – Demonstração de Resultados do Exercício (DRE)

Esse item é essencial para a gestão financeira da empresa, por meio dele é possível calcular indicadores como ponto de equilíbrio, margem e lucro – além do gasto total de cada custo ou despesa da sua empresa sobre o lucro.

O ideal é que a DRE seja feita mensalmente e, depois, um consolidado por trimestre ou ano. Com isso, você será capaz de elaborar adequadamente as metas financeiras para seu negócio.

3 – Reavalie desperdícios e reduza gastos

Muitos empreendedores se assustam com o preço alto que pagam por coisas simples. Isso ocorre porque o gasto desnecessário em materiais, como folhas de papel, ou com produtos sobrando no estoque é muito comum.

Por isso, reavalie a situação desses materiais na sua empresa, se estão sendo usados adequadamente, se há desperdício, se existe estoque... Apesar de parecerem pouco, quando colocados no todo, o peso desses gastos faz diferença.

4 – Como você recebe seus pagamentos?

Parcelar pagamentos em várias vezes ou aceitar formas de pagamento como cheques e fiado, são atitudes que podem comprometer a saúde financeira da sua empresa, já que elas envolvem alto índice de inadimplência.

Por isso, repense a forma como você recebe dos seus clientes e busque optar por formas de pagamento mais seguras, como pagamentos a vista e cartões de débito.

5 – Se o produto não vende, não compre

Você também pode economizar dinheiro através da otimização do seu estoque de vendas. Faça uma análise dos produtos que são vendidos e descubra quais são aqueles que você não precisa oferecer, pois não vendem.

Esses são os chamados vilões do capital de giro, já que são itens encalhados no estoque que só geram despesas para armazenamento. Evite compra-los novamente e busque se desfazer deles. Assim você abrirá espaço para novos produtos que melhor movimentem as suas vendas.

Compartilhar

Comentários

Quem sou eu?

fred-abrahao

Graduado em Direito pela UNIFRAN, o empresário abriu seu primeiro negócio aos 19 anos. Com o know-how e determinação de quem começou cedo no mundo dos negócios, em 2007 criou a Direito de Ouvir e em 2016, a Seu Gado, empresas inovadoras em seus segmentos no Brasil.

Leia mais...