franquias_crescem_76_no_1o_tri

Franquias Crescem 7,6% no 1º Tri

Categoria: 

As franquias cresceram 7,6% no 1º trimestre deste ano comparado ao mesmo período de 2015, segundo dados da ABF (Associação Brasileira de Franchising). Com isso, o faturamento saiu de R$ 31,331 bilhões para R$ 33,709 bilhões. Fatores como o aumento de custos, a retração do mercado consumidor e a escassez de crédito impactaram o setor, que rapidamente reagiu para preservar seu faturamento e manter seu crescimento.

“A natureza colaborativa do franchising, em que ambas as partes buscam conjuntamente o desenvolvimento do negócio, confere maior resiliência ao nosso sistema. Somos um dos últimos setores a entrar na crise e um dos primeiros a sair. A capacidade de inovação também é outro fator chave. Mesmo em nosso atual momento, novos negócios e novos empreendedores continuam a movimentar o setor”, afirmou Cristina Franco, presidente da ABF.

Investimento em crescimento

Segundo o levantamento da ABF, o crescimento das franquias se manteve porque as redes buscaram alternativas para superar a crise, como promoções, campanhas de incentivo, revisão de mix de produtos, renegociação com fornecedores, identificação de novos mercados e até o desenvolvimento de novos modelos de negócios.

Já no acumulado de 12 meses, a receita do setor de franquias variou positivamente 7,9%. A variação em 12 meses é um indicativo da consistência do desempenho do setor frente a cenários adversos.

Saúde entre os destaques

O setor registrou um índice de expansão de 2,9% em unidades de franquia em relação ao ano de 2015, totalizando 141.254 unidades. Ainda de acordo com o levantamento, 108 novas marcas ingressaram nas franquias brasileiras neste primeiro trimestre do ano, elevando o total de 3.073 apurado no ano passado para 3.181 redes em março de 2016.

Dentre os segmentos que apresentaram maior crescimento no primeiro trimestre de 2016 comparado a igual período do ano anterior, destacam-se: Acessórios Pessoais e Calçados (15%), Lavanderia, Limpeza e Conservação (15%), Serviços Automotivos (13%), Negócios, Serviços e Outros Varejos (12%) e Esporte, Saúde, Beleza e Lazer (12%).

Multifranqueados

Uma novidade na pesquisa é a apuração do número de multifranqueados, empresários que possuem duas ou mais unidades da mesma marca.

Entre as redes respondentes, 68% possuem multifranqueados – uma realidade já consolidada nos Estados Unidos e na Europa passou a ter mais expressão no Brasil, o que demonstra amadurecimento do setor e a confiança no modelo de negócios.

Segundo a entidade, o crescimento do número de multifranqueados representa um avanço do grau de profissionalismo dos empresários das franquias brasileiras e a tendência é que eles ocupem cada vez mais espaço no mercado.

Por que investir no mercado de aparelhos auditivos?

Saiba como ser um franqueado da Direito de Ouvir!

 

Compartilhar

Comentários

Quem sou eu?

fred-abrahao

Graduado em Direito pela UNIFRAN, o empresário abriu seu primeiro negócio aos 19 anos. Com o know-how e determinação de quem começou cedo no mundo dos negócios, em 2007 criou a Direito de Ouvir e em 2016, a Seu Gado, empresas inovadoras em seus segmentos no Brasil.

Leia mais...