como_comecar_seu_negocio_de_aparelhos_auditivos

Como Começar Seu Negócio de Aparelhos Auditivos

Categoria: 

Despiste a turbulência na economia do Brasil: o mercado de aparelhos auditivos está imune à crise. O público tem o desejo de ouvir bem e está disposto a pagar por um atendimento de qualidade.

Um relatório feito com base no mercado de aparelhos auditivos mostrou que o segmento nunca cresceu menos que 10% ao ano. Além disso, as pessoas que têm perda auditiva apresentam características interessantes, o que torna este negócio ainda mais atrativo.

Quando falamos de tendência de mercado, outra recente pesquisa nos EUA apontou que, quando se fala de necessidades médicas, as pessoas preferem comprar um aparelho auditivo a outras soluções de saúde, como próteses de joelho e implantes dentários.

Franquia, credenciamento e negócios privados

Ao iniciar um negócio voltado para o setor de aparelho auditivo, você pode optar por ter seu próprio empreendimento, ser um credenciado ou abrir uma franquia.

As três opções de negócios têm as suas vantagens e desvantagens. Por exemplo, franquias e credenciamento oferecem reconhecimento de uma marca, suporte integral em diversas áreas e a publicidade compartilhada.

Começar um negócio privado de aparelhos auditivos proporciona a liberdade de vender os produtos que você escolher, sem as taxas associadas à execução de uma franquia, mas compreendem um risco que você precisa medir para saber se vale a pena.

Franquia e credenciamento nesta área de negócio são duas coisas muito parecidas. A diferença básica é que uma é voltada para o profissional liberal da área – no caso o fonoaudiólogo – e a outra para o empresário investidor que quer ingressar no ramo sem necessariamente ter experiência na área.

Vantagens e desvantagens

Entre as vantagens e desvantagens de cada um, podemos elencar o marketing, que no caso de credenciamento e franquia, demanda um baixo valor investido já que a marca é, na maioria dos casos, conhecida no mercado.

O marketing da franquia e do credenciamento é compartilhado, o que reduz os esforços e os custos com a divulgação. Por outro lado, nos negócios privados, os gastos gerais podem ser muito mais altos, pois o investidor está optando por criar uma marca do zero.

Na franquia e no credenciamento, tudo é comprado em conjunto, o que reduz os valores dos aparelhos auditivos. Em ambas as situações a negociação em rede beneficia a compra em escala.

Tais vantagens não se restringem ao principal produto que o negócio oferece, mas até o preço dos uniformes tende a ser menor. Já nos negócios privados o investidor precisa estar muito atento a negociação do preço, mas dificilmente consegue oferta de produtos com flexibilidade de preço e negociação em massa. Neste caso é preciso uma estratégia bem definida para não inviabilizar o negócio.

Diferenças entre os modelos de negócio

Uma das diferenças gritantes entre os dois primeiros modelos e o último é a liberdade. Apesar do baixo custo, os franqueados e credenciados estarão sempre sujeitos às regras naturais de qualquer franquia, até mesmo na decisão de onde será instalado o seu negócio.

Caso o franqueador ou credenciador já tenha outro franqueado ou credenciado na região onde você deseja abrir, não vai ser possível ter um negócio ali. Nos negócios independentes há liberdade. O investidor pode, por exemplo, escolher o ponto – já os demais modelos estarão sujeitos à decisão do franqueador.

Em todas as situações, a preocupação com o lucro é o ponto chave. Ter um modelo de negócios relativamente pronto como franquia e credenciamento tem seu preço.

Apesar de a marca já ter sido testada e todo o modelo já estar praticamente desenvolvido, as franquias possuem taxas básicas.

São elas: taxa de franquia, valor pago na assinatura do contrato para utilizar a marca e para transferir o know-how, taxa de royalties, percentual do faturamento pago mensalmente ao franqueador e taxa de marketing, habitualmente mensal, que serve para custear a divulgação de toda a rede. É o preço que se paga por entrar em um negócio já consolidado. O que podemos avaliar aqui é que as franquias – em comparação com os negócios privados – têm taxa de mortalidade bem menor, ficando a seu critério fazer uma análise se o valor vale a pena.

Conheça as vantagens do mercado de aparelhos auditivos!

Gostaria de saber mais sobre a possibilidade de ser um franqueado? Conheça a Direito de Ouvir!

 

Compartilhar

Comentários

Quem sou eu?

fred-abrahao

Graduado em Direito pela UNIFRAN, o empresário abriu seu primeiro negócio aos 19 anos. Com o know-how e determinação de quem começou cedo no mundo dos negócios, em 2007 criou a Direito de Ouvir e em 2016, a Seu Gado, empresas inovadoras em seus segmentos no Brasil.

Leia mais...