cinco_dicas_para_suas_financas_decolarem_em_2017.jpg

Cinco Dicas Para Suas Finanças Decolarem Em 2018

Categoria: 

Nos aproximos do final de 2017 com uma ótima notícia, o mercado de franquias no país continuou crescendo mesmo em meio a recessão enfrentada por aqui. Por isso, se você já faz parte desse ramo, fique atento a estas 5 dicas para que as suas finanças decolem de vez em 2018!

Mas, se você é um empreendedor de outro ramo, não se desespere, elas também serão de grande utilidade para que você consiga controlar seu fluxo de caixa e tenha um ano prospero de verdade!

Veja abaixo as principais atitudes que você deve tomar em relação ao seu dinheiro para que sua vida financeira tenha um voo tranquilo durante o ano todo:

 

1) Quanto Você Deve? Descubra e Planeje o Pagamento Desse Valor

Aqui, os principais fatores são a honestidade e a coragem. Você irá precisar de ambos para levantar e encarar o valor que deve. Não seja seletivo, seja organizado. Levante todas as suas dívidas, inclusive aquelas com parentes e amigos.

Depois desse passo, faça um planejamento para quitar esse valor. Não é necessário que você pague tudo de uma vez. Por isso, tenha calma e estabeleça prazos reais e que você irá de fato cumprir para com seus credores. Esse comportamento te dará segurança e tranquilidade e fará com que os credores tenham mais confiança em você.

Caso sua dívida seja com bancos, busque renegociá-la. Leve um plano de pagamento e busque um acordo realista, ou seja, um que você tenha reais condições de arcar. E não se esqueça de explicar seu plano de pagamento aos demais credores e de cumpri-lo à risca!

 

2) Não Existe Livre Circulação de Dinheiro

Veja bem, na sua vida não deve existir livre circulação de dinheiro. Ou seja, você deve estar sempre ciente e no controle de quais são seus gastos e de quais são seus ganhos. Caso você não tenha esse controle, faça um esforço para conseguir adquiri-lo.

Dessa forma, você terá uma visão mais precisa dos excessos cometidos e saberá como cortá-los pela raiz. Você pode recorrer ao planejamento financeiro para entender melhor o que está acontecendo, lembrando sempre de revisar constantemente as planilhas de gastos e ganhos. Somente assim o controle do seu dinheiro não deixará de ser seu.

 

3) Planejamento e Prospecção

Sem dúvidas, o planejamento prévio é de grande importância. Mas para além dele, você pode (e até deve) fazer exercícios de prospecção de cenários.

Se você possui um plano de viajar ou de comprar um carro novo em 2017, faça um orçamento financeiro detalhado e veja o que será necessário para que esses planos se concretizem. Depois, trace três datas limites (pelo menos) para que eles se realizem, e em seguida monte três cenários: um onde será fácil alcançar suas metas, outro onde as dificuldades serão médias e um último onde será difícil.

Com isso, você estará preparado para grande parte dos imprevistos que poderão ocorrer durante o ano, e seu tempo de reação perante os problemas será acelerado.

Além disso, estabeleça regras orçamentárias para te auxiliarem a cumprir com os seus compromissos cotidianos. Algumas dessas regras podem ser: evitar empréstimos pessoais e cartões de crédito, isso facilitará sua vida e te deixará livre dos altos juros; pagar suas contas recorrentes (água, luz, telefone, internet...) em uma mesma data; e manter lembretes dos seus compromissos em diversos locais visíveis para você (exemplos: celular, computador, geladeira etc).

 

4) Se o Orçamento Continuar Apertado

Você se organizou, fez planilhas, enxugou os gastos ao máximo, mas seu orçamento continuo comprometido? Então, é hora de ser criativo e encontrar uma forma de garantir uma renda extra.

Utilize algo que você sabe e gosta de fazer. Dessa forma, você muito provavelmente não precisará largar seu emprego atual, mudar de ramo, ou muito menos, recomeçar do zero. Além disso, fazendo algo que você gosta de fazer, será possível utilizar seu tempo livre para realizar esta atividade.

Algumas opções podem ser: trabalho como freelancer, venda de alimentos caseiros, venda de objetos que não tem mais utilidade para você etc.

5) Segurança e Investimentos

No Brasil, a melhor estratégia que podemos ter é: nos preparamos para o pior e nos esforçarmos ao máximo para que o melhor aconteça.

Por isso, evite contrair mais dívidas, mas busque investir. Um dos investimentos que parecem mais promissores para este ano são os de renda fixa, pois estes possuem juros altos e são considerados os mais seguros do mercado.

Mas lembre-se que agora não é hora para fazer nada no calor do momento. Então, faça uma espécie de fundo emergencial que contenha um valor entre 3 e 6 salários. Dessa forma, você estará minimamente seguro caso algum imprevisto ocorra.

Compartilhar

Comentários

Quem sou eu?

fred-abrahao

Graduado em Direito pela UNIFRAN, o empresário abriu seu primeiro negócio aos 19 anos. Com o know-how e determinação de quem começou cedo no mundo dos negócios, em 2007 criou a Direito de Ouvir e em 2016, a Seu Gado, empresas inovadoras em seus segmentos no Brasil.

Leia mais...